bateria iphone apple store

Uma unidade da Apple Store em Zurique (Suíça) foi evacuada ontem (9), logo depois que uma bateria de um iPhone superaqueceu e explodiu, ferindo um técnico que manejava o smartphone.

Mais de 50 clientes tiveram que se retirar do estabelecimento, com sete deles sofrendo ferimentos leves.

A polícia local informou que a bateria começou a superaquecer rapidamente, queimando a mão do técnico da Apple quando estava procedendo a retirada do telefone. O componente começou a expelir uma grande quantidade de fumaça, o que obrigou a saída dos clientes.

Em comunicado, a polícia de Zurique declarou que a fumaça pode ser contida, já que foi sugada através do sistema de ventilação.

A Apple não se posicionou sobre o assunto até o momento.

É claro que o caso aparentemente não requer maiores investigações, pois já está esclarecido. E é óbvio que uma falha humana pode ter provocado a explosão. Porém, é importante que a Apple faça uma perícia mais aprofundada para compreender melhor esse incidente.

Não é legal deixar um precedente acontecer sem procurar entender a origem do mesmo.

 

Via Reuters