Compartilhe

A Apple acaba de anunciar no evento de lançamento dos novos iPhones (11) que o Apple Arcade, sua plataforma de jogos por assinatura para iDevices, chega ao mercado em 19 de setembro.

De acordo com a Apple, esta será a plataforma de jogos por assinatura com a maior quantidade de títulos na estreia na história dos games.

 

 

Apple Arcade: sem compras dentro dos jogos, e em plano familiar

Como parte de sua “trilogia” hardware + software + serviços, a Apple revelou os detalhes finais sobre o seu próximo serviço de games para a App Store. Um serviço por assinatura, mas sem pagamentos adicionais: o Apple Arcade.

Este é um dos dois grandes serviços por assinatura que a Apple vai lançar até o final de 2019, sendo assim uma nova seção da App Store. O Apple Arcade é um serviço de games por assinatura com o qual o usuário terá acesso a um certo número de jogos em todas as plataformas da empresa, do iOS ao AppleTV ou macOS.

O Apple Arcade será lançado com um número inicial de 100 jogos, todos eles novos, a partir do próximo dia 19 de setembro (em 150 países). O preço da assinatura será de US $ 4,99 por mês (o mesmo preço para o plano familiar de até 5 membros) e haverá um mês de avaliação gratuita. Preços para o Brasil não foram revelados até o momento.

 

 

Os jogos estão disponíveis em modo completo, incluindo atualizações futuras, e nenhuma compra extra vai acontecer dentro dos jogos.

Os jogos podem rodar em modo offline e haverá compatibilidade com controles de terceiros. No catálogo, encontraremos jogos de estúdios como Annapurna Interactive, Bossa Studios, Cartoon Network, Finji, Giant Squid, Klei Entertainment, Konami, LEGO, Mistwalker Corporation ou SEGA, entre outros.

O que dizer nesse momento?

É a Apple chutando bundas da concorrência, com um serviço que, no ato do seu anúncio, tinha enorme potencial em acabar com o universo gaming no Android. Agora, com esse preço e proposta tão completa, podemos dizer que pode mesmo ser o início do fim para os games na plataforma do Google.

 


Compartilhe