Amazon Fire Phone gera um prejuízo de US$ 170 milhões para a Amazon

Compartilhe

650_1000_amazon-fire-phone

O Amazon Fire Phone prometeu revolucionar o mercado de telefonia móvel. Na prática, ficou na tentativa, e agora sabemos que ele é o grande responsável pelas perdas financeiras da Amazon. Fontes próximas da empresa de Jeff Bezos revelam que o Fire Phone é responsável por US$ 170 milhões dos mais de US$ 400 milhões dos prejuízos apresentados pela Amazon no terceiro trimestre de 2014.

Fato é que eles esperavam que o telefone vendesse muito mais do que os números atuais. Com isso, a Amazon teve o seu pior trimestre da última década, com um prejuízo de US$ 437 milhões. O Fire Phone vendido de forma exclusiva pela AT&T por US$ 649 (sem contratos) foi um retumbante fiasco.

O dispositivo com perspectiva dinâmica vendeu apenas 35 mil unidades no seu primeiro mês de mercado. Nem mesmo a redução de preço promovida pela AT&T de US$ 199 para US$ 99 (com contrato de dois anos) resolveu a situação. Muito menos a redução do preço do telefone livre de contrato (de US$ 649 por US$ 449).

Por fim, os poucos compradores também não aprovaram o dispositivo, que tem a pontuação de 2.1 em 5 no próprio site da Amazon. Ou seja, o sucesso dos tablets e e-readers da linha Kindle não se repetiu nos smartphones, e tudo indica que o bom senso de se retirar do mercado de telefonia móvel deve prevalecer na mente de Jeff Bezos.

Via Re/Code


Compartilhe