A Alcatel apresentou na CES 2019 o Alcatel 1X (2019) que, diferente do modelo apresentado na mesma CES do ano passado, conta com o Android 8.1 Oreo e não com o Android Go. Por outro lado, também oferece especificações melhores em relação ao modelo anterior.

 

 

Um salto quantitativo e qualitativo

 

 

O Alcatel 1X (2019) tem o Android 8.1 Oreo e um hardware mais avançado. Possui uma tela Full View Display IPS de 5.5 polegadas (18:9, HD+), trabalhando com um processador MediaTek MT6739WW quad-core a 1.5 GHz, 2 GB de RAM e 16 GB de armazenamento (expansíveis via microSD).

Também conta com uma bateria de 3.000 mAh com a tecnologia Face Key da Alcatel, que analisa mais de 100 pontos de dados do rosto do usuário para garantir uma coincidência mais confiável na hora de desbloquear o dispositivo com o reconhecimento facial.

Nos aspectos fotográficos, o Alcatel 1X (2019) inclui uma câmera frontal de 5 MP com flash LED e câmera traseira dual de 13 MP + 24 MP com novos modos de captura. A lente secundária com sensor de profundidade, combinada com o software de edição de foto integrado no dispositivo não apenas entrega o efeito bokeh, mas também volta a focar o primeiro elemento da foto e desfocar o restante da imagem quando desejado.

 

 

O Alcatel 1X (2019) estará disponível em duas opções de acabamento texturizado (Pebble Black e Pebble Blue), que oferece um agarre mais cômodo. O seu preço sugerido é de 120 euros, e chega ao mercado no primeiro trimestre de 2019.

Estamos diante de um smartphone Android simples, de entrada, e que até surpreende por contar com algumas tecnologias mais inovadoras ou com propostas de entrega de resultados um pouco acima da média. Mas por essência, é o dispositivo que poderia ser a segunda opção de quem já tem um smartphone top de linha, mas não quer colocar o telefone no sacrifício em determinadas situações.

Ou para quem quer um telefone de entrada para fazer o básico.