Transmitir o Super Bowl não é uma tarefa fácil para nenhum canal de TV. Pense em toda a estrutura e aparato tecnológico para enviar aos lares norte-americanos o evento esportivo mais importante do ano.

Quem já viu um jogo qualquer da NFL sabe a quantidade de câmeras e tecnologia que o evento exige. Agora, imagine o adicional que a final do campeonato recebe?

Nesse post, vamos compartilhar um pouco do aparato tecnológico que a CBS e a NFL Network utilizaram para transmitir para o mundo o Super Bowl LIII, onde o New England Patriots derrotou o Los Angeles Rams por 13-3.

 

 

Mais de 25 unidades móveis para apenas um jogo

 

 

São várias câmeras em diversos pontos do estádio para cobrir todos os aspectos do jogo. Logo, é fundamental montar pequenos estúdios de transmissão dentro e fora do estádio, para que o máximo de ângulos possíveis sejam cobertos. Todas essas imagens vão para uma central, que decide o que será exibido na TV ou não, com um intervalo de segundos para o diretor de TV tomar uma decisão.

 

 

Sem misérias na resolução: 4K, 8K e drones

São 115 câmeras: 10 unidades da Sony HDC-4800 4K, três Panasonic AK-SHB800 8K, una Sony P43 (con super câmera lenta lenta a 6X) e 28 câmeras inseridas nos pilons (aqueles toquinhos que ficam na beira da endzone), transmitindo em 332 canais, oferecendo material para 2.000 canais locais. Também são utilizadas câmeras AK-SHU800, que envia o sinal 8K com quatro sinais 4K a 12 Gbps, que se convertem em quatro sinais de 3 Gbps.

 

 

Até cinco vezes mais câmeras do que em um evento padrão

 

 

Enquanto muita gente é resistente ao uso da TV nas decisões de arbitragem no futebol, a NFL e o futebol americano abraçou o replay com todas as forças. E em um jogo tão importante quanto o Super Bowl, não apenas para oferecer todos os ângulos para o espectador, é preciso oferecer todos os ângulos para a arbitragem também.

 

 

O resumo de tudo isso?

Por mais que seja o meu sonho assistir à grande final da NFL ao vivo no estádio, eu ainda me sinto mais confortável e totalmente satisfeito ao receber esse cabedal tecnológico na minha casa, assistindo ao Super Bowl com todos os ângulos possíveis, e no conforto do meu sofá (com batata frita, pizza e Coca-Cola gelada, se possível).