Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Inteligência Artificial e chatbots | A revolução mais importante da história do buscador do Google é, até agora, um enorme desastre

A revolução mais importante da história do buscador do Google é, até agora, um enorme desastre

Compartilhe

Quando é para dar errado…

O pessoal do Google se assustou um pouco com os rumores do ChatGPT lançar o seu próprio buscador web. E mais ainda com todos os experimentos que várias plataformas fizeram com a ferramenta da OpenAI com o serviço que fez da gigante de Mountain View a potência que conhecemos hoje.

Por causa disso, o Google acelerou suas iniciativas em integrar a sua Inteligência Artificial no buscador, para entregar resultados mais contextualizados e, em teoria, de melhor qualidade.

Na prática, o desempenho do Google Search com Gemini é um desastre no seu início, enfrentando muitas críticas com o desempenho atual. E nem dá pra dizer que não dava para imaginar que isso iria acontecer.

 

AI Overview não funciona como deveria

A AI Overview é a nova funcionalidade do Google que fornece respostas geradas por Inteligência Artificial na página de resultados do buscador. Ela foi apresentada no Google I/O 2024 como parte da evolução da Search Generative Experience da empresa.

O problema é que esse recurso ainda está em desenvolvimento, tal e como praticamente todas as iniciativas de Inteligência Artificial que existem no mercado. Um dos principais problemas dos chatbots atuais é que eles basicamente mentem para completar os contextos das respostas.

Um exemplo claro da propensão da IA para inventar informações é o caso da cola no queijo da pizza que contei no blog recentemente. E o pior de tudo é que essa resposta nem foi inventada, mas sim copiada de uma postagem muito popular do Reddit.

Ou seja, a Inteligência Artificial ainda não entende contexto e ironia para diferenciar respostas reais de piadas.

O Google afirma que está tomando medidas para corrigir as respostas erradas e aumentar a qualidade dos resultados entregues pela IA, já que este aspecto é fundamental para manter a confiança dos usuários.

Mas isso vai levar um bom tempo, o que pode fazer com que o buscador com IA entre em descrédito junto ao grande público.

 

O impacto pode ser profundo

A mudança na dinâmica de tráfego gerada pelas respostas de IA afeta os criadores de conteúdo e os meios de comunicação, reduzindo o tráfego e, consequentemente, os ganhos publicitários.

Em termos práticos, a afirmação que fiz em vídeo no YouTube que o TargetHD.net pode desaparecer com essa alteração no buscador do Google não é alarmismo da minha parte. É uma realidade prática.

O algoritmo do Google está favorecendo seus próprios resultados em detrimento do conteúdo original. A gigante de Mountain View entendeu que o internauta atual é, em sua maioria, um preguiçoso que não clica em links para ler notícias. Logo, nada melhor do que entregar a informação completa logo de cara, na página dos resultados.

O Google já está fazendo isso na sua ferramenta de busca a algum tempo, e isso está diminuindo drasticamente o tráfego para sites externos, o que está tirando o sono de produtores de conteúdo como eu.

E com a tendência de queda de tráfego persistindo, sites como o TargetHD.net podem se tornar insustentáveis.

Outras plataformas podem se beneficiar com as mudanças. O Reddit, que sobrevive basicamente por causa das interações dos usuários, leva vantagem por ter os seus conteúdos indexados pela Inteligência Artificial do Google de forma preferencial.

Dessa forma, a autenticidade e interação humana nas buscas online ganham um maior protagonismo e importância. O que aumenta a necessidade do Google em filtrar melhor os resultados em nome da qualidade da informação entregue pela IA.

A pressa na implementação da Inteligência Artificial no buscador, que foi impulsionada pela concorrência (Microsoft e OpenAI entregaram essa funcionalidade antes, com resultados igualmente questionáveis) foi a inimiga da perfeição e, por tabela, dos problemas de precisão e reputação do buscador com IA do Google.

Espero que as críticas liguem o sinal de alerta da gigante de Mountain View, inclusive para a real necessidade de valorizar sites como o TargetHD.net, que entrega artigos com base em pesquisa e fontes verificadas, e não em piadas de internautas que sobrevivem de Cheetos com Fanta laranja em repúblicas universitárias ou no quarto da casa dos pais.


Compartilhe