Ao que parece, a Matrix existe, e toda a realidade em que vivemos pode ser uma simulação ou um videogame cuja programação pode ser alterada por completo através de programas. O conhecido programador George Hotz, hacker de renome mundial, fez tal afirmação na sua apresentação no evento SXSW 2019, realizado em Austin, Texas (EUA).

A teoria de Hotz se baseia no argumento de que todos somos seres inteligentes e, por isso, se os humanos passarem a pensar em coisas mais inteligentes que nós mesmos, podemos compreender que entre as coisas e nós existe uma “jaula” que nos mantém “presos e adormecidos”, onde não podemos reconhecer ou identificar as grades dessa prisão. Porém, o hacker não se aprofundou no seu pensamento por causa da falta de provas sobre sua teoria ser uma realidade ou não.

O programador acredita que podemos estar em um “mundo melhor”, e para isso sugere que os humanos eliminem todos os elementos negativos do universo para assim controlar o “sistema” que cria toda essa simulação imperfeita (na opinião dele).

 

 

Simulação ou realidade?

 

 

A teoria do programador foi previamente abordada pelo sueco Nick Bostrom em 2003. A crença de que estamos vivendo uma simulação vem sendo mencionada há muito tempo, inclusive no clássico do cinema já citado nesse post, Matrix (1999).

Porém, ainda que tais teorias contem com uma grande quantidade de seguidores ao redor do mundo, realizar algo de tamanha envergadura como é o caso de ‘hackear a natureza’ é, nesse momento, algo completamente distante da realidade.