Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | A “morte” do Office no Chrome OS é realmente um problema?

A “morte” do Office no Chrome OS é realmente um problema?

Compartilhe

fim do office no chrome os

A Microsoft decidiu acabar com o suporte aos aplicativos do Office e do Outlook para Android no Chrome OS. Agora, quem usa os Chromebooks terão que usar os apps web do Office de forma direta, e não em um dos apps do Android, o que permitia um uso offline dos aplicativos de escritório.

Uma mensagem enviada pela Microsoft convida os usuários do Chrome a migrarem para o Office.com, pois o suporte para os aplicativos desse pacote de escritório chegou ao fim. Esse fim das atualizações acontece a partir do dia 18 de setembro de 2021.

Mas… será que os usuários de Chromebook realmente precisam chorar por causa dessa decisão?

Vamos descobrir.

 

 

 

O que a Microsoft quer com isso?

 

 

Complicar a vida do Chrome OS, é claro.

Pode não parecer, mas os Chromebooks são uma grande pedra no sapato da gigante de Redmond em um segmento de mercado muito valioso e relevante para a empresa: o setor educacional.

E apesar do Office ser uma força dominante em todas as plataformas, o que a Microsoft quer (também) é vender computadores dentro desse setor, que é lucrativo (ainda mais depois de mais de um ano de ensino remoto).

Neste caso, a decisão pode fazer com que aqueles usuários que estão em algum tipo de instituição de ensino e que usaram o Office nos últimos anos acabem procurando um computador com Windows para garantir a manutenção do uso do pacote de escritório em modo offline.

 

 

Sim, pois essa será a grande mudança que os computadores com Chrome OS vão sofrer. Para quem estava acostumado a redigir textos ou editar planilhas no Word ou Excel em modo offline no Chromebook, a vida acabou de se complicar, pois esses documentos só poderão ser manipulados em modo online.

E, por mais que o Chrome OS ofereça algumas capacidades de edição de documentos do Office sem conexão de internet ativa, a experiência de uso não é a mesma que o Office real oferece nessa situação. Para quem fica conectado na internet o tempo todo, não é um grande problema. Mas para quem usa essas ferramentas em determinados cenários sem acesso à web, o problema está servido.

Ou será que não?

 

 

 

O Google Docs ainda é uma boa alternativa

 

 

Confesso que as minhas experiências recentes com o Word e o Excel no Chrome OS não foram das melhores, e o Google Docs naturalmente se tornou a minha melhor opção para editar os meus documentos em .DOCX no Chromebook.

Alguns dos meus arquivos ficam armazenados no OneDrive e, pelo menos para mim, não é trabalho nenhum fazer o download do arquivo, enviar o mesmo para o Google Drive e, depois, fazer a edição no Docs. Sempre fiz isso sem maiores problemas ou dificuldades.

Logo, para quem realmente precisa editar textos e planilhas com o Chrome OS, o Google Docs é uma alternativa bem válida. Pelo menos nos textos que editei no meu Chromebook da Acer, ele funcionou perfeitamente. Diferente do Word para Android, que apresentou problemas na acentuação.

A “morte” do Office no Chrome OS pode parecer um problema, mas na verdade pode abrir portas para uma solução. Inclusive para aquelas pessoas que não querem seguir pagando para a Microsoft para usar um pacote de escritório que aparentemente não funciona bem em todas as plataformas.

A escolha é sua. Como sempre.

 

 

Via About Chromebooks


Compartilhe