TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia 90% daqueles que não possuem acesso à internet vivem em países em vias de desenvolvimento | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Internet | 90% daqueles que não possuem acesso à internet vivem em países em vias de desenvolvimento

90% daqueles que não possuem acesso à internet vivem em países em vias de desenvolvimento

Compartilhe

650_1000_internet-emergentes

Um detalhado estudo da International Telecommunications Union (ITU) mostra o cenário das telecomunicações e internet em diferentes regiões do planeta. O acesso aos smartphones e à internet é um dos pontos abordados, e o conhecido como ‘Measuring Information Society Report’, que é elaborado desde 2009 permite obter valiosas informações que analisam o presente e a evolução desse segmento.

Em mais de 200 páginas é possível ver – entre outras coisas – o tipo de divisão que existe na conectividade global. No final de 2014, o estudo conclui que termos quase 3 bilhões de pessoas conectadas na internet, contra 2.7 bilhões registrados no final de 2013. O problema existe para as 4.3 bilhões de pessoas que não estão conectadas.

650_1000_paises-emergentes

O estudo revela que 90% de todos aqueles que ainda estão desconectados vivem em países em vias de desenvolvimento. Não só isso: na chamada Information and Communication Technology (ICT) mostra uma clara segmentação, onde:

O rendimento ICT é melhor em países com altas cotas de população vivendo em áreas urbanas, onde o acesos à infraestrutura ICT, o uso e as habilidades são mais favoráveis. E por isso – e precisamente por isso – que em áreas rurais e pobres as ICTs podem ter um impacto particularmente significativo.

Existem vários projetos que buscam soluções para esse problema: os smartphones de entrada são provavelmente uma das vias mais poderosas para facilitar esse acesso à internet em países emergentes – iniciativa como o Android One querem ser referência -, mas existem outras alternativas, como o Project Loon do Google, ou dispositivos como o BRCK, o modem orientado às áreas rurais da África.

Via Slashdot


Compartilhe