Wetten.com Brasil Apostas
Home » Desktop PC » 3 erros que você não deve cometer ao trocar sua placa gráfica

3 erros que você não deve cometer ao trocar sua placa gráfica

Compartilhe

Chegou a hora de trocar a sua placa gráfica do computador, mesmo este não sendo o melhor momento por conta dos problemas de estoque que o mundo está sofrendo. Mesmo assim, você encontrou a placa que você queria por um bom preço.

Mano… que sorte a sua!

Mas antes de realizar o investimento, certifique-se que você realmente está dando o passo correto, para não ter que encarar consequências graves e problemas ainda mais agraves.

Neste artigo, vamos compartilhar com você três erros que você não deve cometer na hora de trocar a sua placa gráfica do computador. São os erros mais frequentes e, ao mesmo tempo, os mais graves. Logo, merecem a máxima atenção de sua parte.

 

 

 

Certifique-se que você tem espaço e potência suficiente

 

Você se deixa levar pelo entusiasmo, e compra uma placa gráfica muito potente, mas que é enorme, não cabe no gabinete do seu computador, ou exige muito da sua fonte de alimentação.

Aqui, não tem jeito: se seu gabinete não tem espaço, a placa gráfica não vai entrar, e se a fonte de alimentação está abaixo do exigido pela placa (tanto em watts como em amperes), ela não vai funcionar direito.

Revise esses dois pontos antes da compra, e em caso de dúvidas, converse com um especialista. E leve em consideração que a qualidade de uma fonte de alimentação influencia de forma direta no desempenho das placas gráficas mais potentes.

 

 

 

Tenha todos os conectores que você precisa

 

Este problema é bem mais fácil de resolver que o anterior, e muito menos frequente de acontecer. Mas é possível.

Antes de trocar a placa gráfica do computador, pense em como você vai conectá-la ao seu monitor, e se a mesma conta com a saída que você precisa (HDMI ou DisplayPort).

Se o seu monitor é relativamente antigo e baseado em saídas VGA ou DVI, tome cuidado, pois tais conectores já não estão presentes na maioria das placas gráficas atuais.

 

 

 

Cuidado com o slot e com os conectores de alimentação

 

Se a sua placa-mãe possui dois slots PCIe, é provável que este primeiro slot funcione a x16, e que o segundo seja um x8. Isso é o mais comum, e pode levar o usuário a cometer um grave erro se não se aplica o mínimo de senso comum na hora da compra.

A placa gráfica sempre deve estar instalada no primeiro slot PCIe, pois ela entrega uma largura de banda maior para um bom funcionamento. Caso contrário, o seu desempenho final será consideravelmente limitado.

Por fim, certifique-se que você possui conectores de alimentação adicionais para oferecer a energia adicional que essa placa gráfica vai necessitar a cada momento, dependendo da carga de trabalho exigido por ela. Um conector de alimentação mal instalado por causar estragos consideráveis.


Compartilhe