Identificar quando o seu smartphone está correndo o risco de ser espionado é fundamental para a proteção dos seus dados. Assim, você pode tomar as medidas necessárias para solucionar o problema e garantir a sua privacidade. Alguns sintomas são ignorados, e e nesse post vamos apontar esses sintomas para você ficar mais esperto com o seu gadget.

 

 

1. Presença de aplicativos não desejados

 

Se você perceber que o seu smarpthone está executando apps que você não se lembra de ter instalado, fique atento, pois as chances de você ter um malware no seu dispositivo são grandes.

 

 

2. Drenagem da bateria

 

Pode ser um indício de um aplicativo executando em segundo plano. Uma grande perda de autonomia de bateria ou drenagem não uniforme ou anormal no tempo de uso são sintomas que precisam ser observados.

 

 

3. Textos e Pop-ups estranhos

 

Mensagens SMS estranhas, pop-ups incomuns e mensagens não solicitadas também são indícios que algo está errado no dispositivo, já que algum software está causando esse comportamento anormal.

 

 

 

4. Elevado consumo de dados

 

O aplicativo malicioso envia os dados que quer para os dispositivos dos hackers, e o faz através de uma conexão de internet. Um uso anormal dos dados móveis pode indicar que algo está errado no seu smartphone. Verifique sempre como está o comportamento de consumo de dados no telefone.

 

 

5. Dispositivo com funcionamento ruim

 

Smartphones novos contam com desempenho impecável, sem travamentos ou atraso nas respostas. Se você perceber uma alteração no comportamento do dispositivo, suspeite sobre um possível controle e monitorização do mesmo por algum aplicativo malicioso.

 

 

6. Superaquecimento do dispositivo

 

Um smartphone pode aquecer demais por diversos motivos, como acesso à nossa localização via GPS ou coleta de dados. Quando o telefone está em standby e nenhuma atualização está acontecendo em segundo plano e, mesmo assim, o dispositivo está muito quente, remova o case protetor e verifique se a temperatura não cai. Se não cair, o comportamento é anormal.

 

 

 

 

7. Ruído anormal durante as chamadas

 

Hoje, o sinal de celular (apesar de péssimo em algumas áreas) é mais estável que no passado. Logo, não é normal ouvir sons estáticos, vozes sobrepostas e ruídos estranhos. Fique longe de dispositivos que contam com campos eletromagnéticos (microondas, roteadores, etc) e verifique se existem interferências na chamada. Se acontecer, desconfie.

 

 

8. Dispositivo desliga ou reinicia sem aviso prévio

 

Não é normal um smarpthone desligar sem prévio aviso. Até pode ser um problema pontual de hardware ou software, mas este é um dos indícios mais fortes que o dispositivo foi atacado. Mais estranho ainda é o dispositivo ficar desligado por vários minutos, sem que você consiga realizar a reinicialização.

 

 

9. Equipamento demora muito para desligar

 

Quando o processo de encerramento de um smartphone demora mais que o habitual, significa que tem processos em segundo plano a mais do que deveria. É normal um dispositivo levar algum tempo para ser desligado por completo, mas esse pode ser mais um indício de um processo de transmissão de dados de um software espião.

 

 

 

10. Histórico de navegação

 

Atividades anormais, sites que não foram procurados no histórico e páginas não acessadas conscientemente por você pode indicar que o dispositivo está infectado. Desde que você encontre a origem da infecção, a remoção da ameaça fica bem mais fácil.