Arquivo para a tag: mcdonald’s

McDonald’s prefere usar robôs do que aumentar salário mínimo de seus funcionários

by

McDonald's

“É mais barato comprar um braço robótico de US$ 35 mil do que contratar um funcionário que não é eficiente, pagando US$ 15 a hora e roubando batatas fritas”. Essas palavras foram ditas por Ed Rensi, ex-CEO do McDonald’s, depois de comprovar em primeira pessoa os avanços da robótica realizados dentro do setor.

As declarações de Rensi tem uma finalidade muito específica: protestar contra o salário mínimo de US$ 15 para trabalhadores do setor de fast food nos Estados Unidos. Ao mesmo tempo, coloca uma questão interessante: “se não podemos conseguir trabalhadores com um salário razoável, então conseguimos máquinas que façam o trabalho. É o sentido comum. Vai acontecer, queira ou não. E, quanto mais se pressione, mais rápido a transição vai ocorrer”.

Para o ex-CEO do McDonald’s, não só vai acontecer nas redes de fast foods, mas também em outras franquias que empregam trabalhadores “pouco qualificados”. O resultado de combinar o aumento do salário mínimo com a chegada dos robôs será “destrutiva” e “uma perda de trabalhos em todo o país”.

Esta não é uma voz isolada. Executivos de outras redes de fast foods já afirmaram que planejam abrir restaurantes sem funcionários ‘humanos’, como resposta ao aumento dos custos nos salários. A Wendy’s, outra popular rede alimentícia, faz referências pelo mesmo motivo, ao anunciar a criação de mais de 6 mil quiosques de auto-atendimento. Até o McDonald’s está usando telas touch em seus restaurantes para solicitação de pedidos.

salario-15-dolares

A imagem acima foi publicada por aqueles que são contra o aumento do salário mínimo.

Não é uma casualidade que os grandes restaurantes façam esse movimento para defender o seu principal interesse, mas… faz algum sentido suas advertências? Estamos nos encaminhando para um mundo onde os trabalhadores menos qualificados serão substituídos por robôs, e que a rapidez disso acontecer depende do aumento ou não do salário mínimo atual?

Até Bill Gates chegou a insinuar algo desse tipo em uma entrevista de 2014, mas não há um consenso sobreo tema. Faz tempo que vemos iniciativas de robôs para tarefas desse tipo, mas nesse momento isso não é amplamente disseminado. As telas touch são hoje mais necessárias do que os funcionários que recebiam os pedidos.

Os defensores do aumento do salário mínimo pensam que os argumentos dos executivos não contam com fundamento algum. Afirmam que, se pudessem mesmo substituir funcionários por robôs, já o teriam feito. “A automatização chegará quando tivermos a tecnologia e os custos para torná-la viável, e não há nada que possamos fazer para deter isso. Não vai chegar de forma mágica porque os trabalhadores pedem para serem tratados como seres humanos”.

Via Fox Business

McDonald’s lança forro de papel que cria música com a ajuda do smartphone

by

mcdonalds-forro-papel

Sabe aqueles forros de papel que estão em bandejas de fast food, que normalmente oferecem um joguinho ou um caça-palavras para você matar o tempo enquanto come o seu lanche? Então, o McDonald’s da Holanda fechou uma parceria com a agência de publicidade TBWA\Neboko e a agência de produção digital This Page Amsterdam para criar um desses forros de papel que tivessem o papel de ‘mesa’ de criação e reprodução musical.

Ainda que aparentemente esse forro não pode ser distinguido de um papel normal (exceto por sua aparência), ele integra uma série de circuitos que permitiam a criação e reprodução de sons através de um smartphone conectado via Bluetooth. As diferentes teclas e botões impressos no papel são na realidade zonas táteis que o usuário poderá utilizar para gravar, modificar e reproduzir sons.

Para poder utilizar a toalha, é preciso instalar um aplicativo específico no smartphone, que permite a utilização de amostras de som, gravação de voz, sintetizadores, efeitos e tudo o que é necessário para criar uma melodia, incluindo o controle do tempo. A toalha só atua como periférico de entrada para adicionar dados relevantes com algumas das funções do aplicativo para smartphones, que realiza as funções de microfone e alto-falantes.

É muito pouco provável que essa iniciativa chegue a outros países, ficando exclusivo para a Holanda. Por outro lado, levar essa ação para outros locais pode acabar tornando a vida dos atendentes do McDonald’s como um inferno sonoro. Sou suspeito para falar: como adoro música, eu gostaria e muito de ver esse item chegando ao Brasil.

Vídeo demonstrativo a seguir.

 

Via The Next Web

Android Pay deve estrear nessa semana nos EUA. Valeu pelo aviso, McDonald’s!

by

android-pay-logo

Um vazamento do Android Police garante que o Android Pay deve estrear nos Estados Unidos na próxima quarta-feira, 26 de agosto.

A informação vem de um documento interno vazado pela rede de fast food, que garante que o processo de pagamento via smartphones Android (similar ao Apple Pay) é testado pelo McDonald’s desde o seu início. O Android Police também afirma que várias fontes confirmam a data.

mcdonalds-android-pay

Por enquanto, parece que apenas o McDonald’s nos EUA contará com o Android Pay no seu primeiro dia, e o lançamento em outros países ainda vai levar algum tempo. O documento interno também afirma que o Samsung Pay está presente desde a semana passada, mas que sofreu um adiamento no seu lançamento, que só vai acontecer em setembro.

Ou seja, devemos te rum anúncio formal nas próximas horas, seja por parte do McDonald’s, seja por parte da Google. Fato é que o Apple Pay terá em breve uma dura concorrência no mercado, começando pelos Estados Unidos e, quem sabe, em outros países. Vale lembrar que o número de dispositivos Android compatível com o Android Pay é muito pequeno, comparado com os iPhones compatíveis com o Apple Pay. Logo, temos que dar tempo ao tempo para essas plataformas se consolidarem.

Via Trusted Reviews

Em breve, você poderá recarregar o seu smartphone enquanto come um Big Mac

by

air-charge-iphone-qi

O McDonald’s tem em mente uma ideia que é muito bem vinda: abastecer seus restaurantes de carregadores sem fio, para que você possa recarregar a bateria do smartphone de forma livre, enquanto você saboreia os lanches.

Não é de hoje que o McDonald’s flerta com algumas inovações tecnológicas, sendo um dos primeiros estabelecimentos a oferecer WiFi gratuito aos usuários do Nintendo DS (em 2005). Anos depois, um dos seus restaurantes instalou iPads nas mesas para os clientes.

A rede pretende implementar essa iniciativa em 50 restaurantes do Reino Unido, em formato de projeto piloto local. A iniciativa é um acordo com a empresa Air Charge, que possui carregadores sem fio com tecnologia Qi finos e ‘universais’ (sempre que o smartphone for compatível, é claro).

Ou seja, os modelos da Nokia mais recentes/avançados, a linha Nexus (a partir do Nexus 4) e o LG G3 são compatíveis com o Qi. São poucos, mas esse número segue crescendo.

mcdonalds-sydney-restaurant

Um total de 600 pontos de carga Qi serão instalados nos 50 restaurantes do Reino Unido (Londres e adjacências) selecionados, em um segundo plano piloto. Por enquanto, não há uma proposta de expansão da iniciativa para outros países.

Via Pocket-LintQi