Arquivo para a tag: chip

PocketCHIP, um micro console que cria e modifica games

by

PocketCHIP-01

O PocketCHIP é um mini console baseado no CHIP, e conta com tela touch resistiva de 4.3 polegadas (480 x 720 pixels), onde o mais curioso do conjunto é o seu teclado QWERTY, que servirá de método de controle, além de permitir a introdução de dados para a criação e modificação de jogos.

O dispositivo tem uma carcaça que é perfeita para receber uma placa Raspberry, que associado com o PICO-8, um videogame virtual que vem pré-instalado no PocketCHIP, oferece as ferramentas necessárias para criar jogos, com riqueza de detalhes, incluindo códigos, sprites, sons e outros elementos.

O PocketCHIP está chegando aos seus primeiros compradores ainda nesse mês de maio, e o produto final chegará ao grande público em junho, com um preço de apenas US$ 49.

PocketCHIP-02

O produto tem uma certa modularidade. Por exemplo, se no futuro eles atualizarem o cérebro do equipamento (o CHIP) por outro mais potente e mantém as formas e conexões, é possível atualizar o PocketCHIP sem maiores dificuldades. Seus criadores abrem um leque de possibilidades de uso para o produto, e até criaram óculos para ver os conteúdos produzidos com maior nível de imersão.

Em tempos onde a mobilidade está em máxima evidência, e os games estão sabendo se aproveitar do momento, projetos como esse podem se dar muito bem junto aos desenvolvedores independentes e usuários com perfil de consumo alternativo de jogos. Só me pergunto se será algo prático programar jogos em um teclado tão pequeno. Que ao menos os códigos de programação sejam simplificados, para que a experiência seja um pouco menos traumática.

Vídeos demonstrativos a seguir.

 

Via CHIPPocketCHIP

CHIP, o micro PC de US$ 9, é uma realidade

by

CHIP-micro-PC-de-9-dólares

Em maio, falamos do CHIP, um interessante projeto de um micro PC de US$ 9 que estava arrasando no Kickstarter, alcançando uma arrecadação de mais de US$ 2 milhões, superando e muito o objetivo de US$ 50 mil. O sucesso é compreensível, já que apesar do seu reduzido tamanho, o pequeno PC oferecia um amplo leque de possibilidades.

Trabalhar como LibreOffice, jogar uma grande quantidade de emuladores ou até executar tarefas criativas ou de desenvolvimento era algumas das missões do CHIP. Um produto muito versátil e atraente para experts e novatos, trazendo consigo a sua própria versão do Linux e com uma ampla variedade de acessórios.

chip-microcomputador-linux

Pois bem, quem apostou no CHIP agora recebe o CHIP Alpha, modelo qualificado como “para hackers”. A empresa prepara uma segunda remessa, que deve ser entregue de forma paulatina, com previsão de entrega para janeiro ou fevereiro de 2016. Uma boa notícia para um projeto cheio de possibilidades.

 

Via Kickstarter.

CHIP, um micro computador Linux que custa apenas US$ 9

by

chip-microcomputador-linux

O CHIP é um projeto de um micro computador Linux que está em processo de arrecadação no Kickstarter, que custa apenas US$ 9, mas é cheio de possibilidades.

Apesar do seu pequeno tamanho, temos aqui um computador plenamente funcional e consideravelmente potente, já que integra um SoC AllWinner com CPU de 1 GHz, GPU Mali 400, 512 MB de RAM DDR3, 4 GB de armazenamento e conectividades WiFi e Bluetooth.

O Chip impressiona, principalmente se levarmos em conta que o seu tamanho é similar ao de um pendrive, contando ainda com conectores USB 2.0 e microUSB, além de saída vídeo composto. O computador ainda oferece a opção de compra com saídas VGA e HDMI, caso o usuário pague um pouco mais.

O Chip permite que você faça praticamente tudo o que você já faz no seu computador atual: navegar na internet, trabalhar e até mesmo jogar. E tudo isso por apenas US$ 9. O melhor de tudo é que estamos diante de um projeto que busca crescer com a ajuda da comunidade de desenvolvedores, com tudo o que isso pode implicar em médio e longo prazo.

Outro detalhe interessante é o seu módulo para transformá-lo em um equipamento portátil, integrando uma tela de 4.3 polegadas, bateria com autonomia de 5 horas de uso e teclado QWERTY físico.

chip-microcomputador-02 chip-microcomputador
Via Kickstarter

Um sensor que atua como detector de explosivos sem fio

by

inline-ft

O projeto em desenvolvimento pela GE Global Research para melhorar os sistemas de detectores de explosivos e substâncias perigosas deu um grande salto, ao integrar esses dispositivos em praticamente qualquer lugar, de forma muito discreta e econômica.

O sensor da GG é feito em colaboração com a Technical Support Working Grouo (TSWG), agência especializada em combate ao terrorismo, e se destaca por ser sem fio e dispensar o uso de baterias para funcionar. É na verdade uma etiqueta RFID, que é acionada com a presença de substâncias perigosas ou explosivos.

Os detalhes técnicos do sensor não foram revelados por uma questão de segurança, mas um detalhe essencial foi compartilhado para compreender seu funcionamento. Um novo metal desenvolvido por eles, que responde à presença de determinadas substâncias ‘oxidadoras’, e que pode ser integrado em uma das faces do RFID.

O novo sensor, que tem ‘data de caducidade’ de meses, é muito mais acessível na fabricação, podendo ser colocado em locais de carga ou trânsito de maletas, ficando inativo e indetectável, até que uma substância ative o seu alarme. A leitura do chip pode ser realizada a uma distância de até 3-4 metros, dependendo das necessidades e da potência da antena colocada na etiqueta.

650_1000_rfid-inline

Por enquanto o novo material é focado nos explosivos, mas a GE acredita que não deve demorar muito para que outras substâncias possam ser detectadas de forma passiva e sem riscos bacteriológicos ou químicos.

Via Xakata

Um simples chip de US$ 20 é capaz de detectar a diabetes tipo 1

by

type-1-diabetes-microchop-test-2014-07-14-01

Pesquisadores da Universidade de Stanford desenvolveram um microchip que pode fazer com que os exames de detecção da diabetes tipo 1 sejam muito menos custosos.

Esse tipo de diabetes afeta principalmente as crianças, e quanto antes for detectada, mais fácil é de ser tratada. Porém, o seu diagnóstico é caro e complexo para muitos países. Felizmente, esse projeto pode facilitar as coisas. Esse chip de nanopartículas de ouro brilha quando os anticorpos reveladores são detectados, e diferente dos testes atuais, esse sistema só necessita de uma simples extração do sangue do paciente e um desses chips, que custam apenas US$ 20, e podem ser utilizados até 15 vezes.

Seus criadores garantem que esse sistema será perfeito para os países onde os exames de detecção de diabetes contam com preços proibitivos, mas a ideia é oferecer essa tecnologia em escala mundial.

Via Universidade de Stanford

É possível um smartphone de US$ 20? O ARM Cortex-A5 afirma que sim!

by

0307edeproductsatmel

A ARM sabe muito bem aproveitar o fenômeno do momento dos smartphones, e também sabe que os dispositivos de entrada são aqueles que despertam o interesse de muita gente. A empresa aposta que o maior crescimento da categoria nos próximos anos está no segmento de produtos de entrada, e a previsão é que apenas no ano de 2015 sejam vendidos aproximadamente 1.75 bilhão de smartphones.

Mas a ARM pensa a longo prazo. Eles acreditam que em 2018, mais de 2.5 bilhões de smartphones serão distribuídos no mercado, e 50% serão de modelos de entrada, com preços inferiores a US$ 150.

Pensando em tudo isso, a ARM está convencida que o preço mínimo que as pessoas estarão dispostas a pagar por um smartphone de entrada no futuro será de US$ 20. Mais: é possível que esse preço para um telefone inteligente básico pode ser alcançado ainda em 2014. O único problema para tal marca ser alcançada estão nos demais componentes que compõem um smartphone que ainda não podem ter o seu preço reduzido.

Firefox-OS-25-dólares

O dispositivo com preço de US$ 20 poderia contar nesse momento com um muito discreto processador Cortex A5 single core, similar ao que já está presente no dispositivo que podemos considerar como um smartphone, e com preço mais barato até agora: o smartphone com Firefox OS que foi apresentado na última MWC de Barcelona. Na ocasião, a Mozilla informou que esse dispositivo poderia custar até US$ 25, e esse processador consegue ser mais potente que o Cortex A11 presente no primeiro iPhone, de 2007.

Par a ARM, algo menor nas especificações que esse chip seria algo inviável para um ecossistema como o Android.

Via Arstechnica

MediaTek quer enfrentar a Qualcomm, e lança um novo processador octa-core

by

mediatek-procesador-11feb

A MediaTek anuncia o lançamento de um novo processador octa-core (MT6595), que conta com quatro núcleos Cortex A17 (2.2-2.5 GHz) – recém lançado -, além de quatro núcleos A7 de 1.7 GHz. Se não fosse o bastante, o processador conta com uma GPU Rogue PowerVR Series6, e conta com todas as tecnologias do chip MT6592, considerado “o primeiro processador octa-core de verdade do mundo”.

Vale lembrar que o recém anunciado Cortex A17 promete uma melhoria de velocidade de até 60% em relação ao Cortex A9, e foi desenvolvido para os tablets e smartphones de linha média. Mesmo assim, a MediaTek parece apostar em voos mais altos com o seu novo chip octa-core, pensando na linha premium, e batendo de frente com os chips Snapdragon 800 e 805.

A MediaTek está tão segura de suas qualidades, que informa que o seu novo chip é mais rápido e potente que o octa-core Exynos, composto por quatro núcleos A7 e quatro Cortex A15. Por fim, o MT6595 é o primeiro sistema octa-core LTE com o codec Ultra HD H265 integrado, permitindo assim a gravação e reprodução de vídeos no formato 4K2K.

Os primeiros smartphones de testes com o novo chip começam a ser distribuídos ainda no primeiro semestre de 2014, mas os primeiros dispositivos comerciais só chegam ao mercado no segundo semestre do ano.

Via Engadget

Rumor: iPhone 5 com processador quad-core A6?

by

A esta altura do campeonato, mesmo não tendo nenhuma confirmação oficial que o novo iPhone será apresentado em outubro, todos os rumores publicados sobre o futuro smarphone da Apple praticamente confirmam o seu lançamento para o período estimado (se bem que, no ano passado, os mesmos rumores apareceram, e o que veio foi apenas o iPhone 4S… mas dessa vez não tem como dar errado!). O rumor da vez é sobre o novo chip, que pode ser um A6 quad-core.

O último dispositivo da Apple a receber uma atualização de processador foi o iPhone 4S, que conta com o A5. Para quem não se lembra, esse é um chio dual-core de 800 MHz, com uma potência gráfica excelente, perfeita para jogos, fotos e processamento de vídeo. O iPad de terceira geração recebeu o A5X, que se não foi muito atualizado, teve pequenas mudanças para receber a tela Retina.

O Tegra 3 iniciou o jogo dos chipsets quad-core, e cada vez são mais os dispositivos que começarão a integrá-lo, como não pode ser de outra maneira. Não é uma questão da Apple seguir a manada (e a tendência é que a empresa de Cupertino comande a manada), mas sim, uma necessidade. Como é evidente que o novo iPhone deve integrar um hardware melhor do que o atual, com uma maior velocidade de processamento e melhor qualidade gráfica, nada melhor do que migrar para um processador quad-core.

Que fique claro que quem levanta a bola para o mundo dos quatro núcleos na Apple é a DigiTimes. Como sempre, a Apple não confirma essa (e nenhuma outra) informação, e se a escolha deles não é por um quad-core, é por alguma outra coisa ainda desconhecida por todos. Fato é que, se a Apple optar por um processador de dois núcleos no novo iPhone, é uma verdadeira derrota tecnológica, que deixaria o novo produto defasado logo no ato de seu lançamento. E temos quase certeza que Tim Cook não quer isso.

Via DigiTimes

Samsung anuncia o processador Exynos 4 Quad de 1.4 GHz, que equipará o Galaxy S3

by

A Samsung tornou oficial o processador Exynos 4 Quad, que se encontra em fase de produção, e que vai equipar o novo Galaxy “que apresentaremos oficialmente em maio”, segundo palavras da própria Samsung. Esse novo processador de 32 nanômetros oferece o dobro de potência que o seu predecessor, graças à tecnologia High-K Metal Gate (HKMG), assim como uma economia de consumo de aproximadamente 20%.

Hankil Yoon, responsável pela estratégia de produto da Samsungo, afirma: “o novo Galaxy, que será apresentado em breve, oferece uma grande potência e inigualável performance em multitarefa, graças à potência do Exynos 4 Quad, e o eficiente gerenciamento de consumo de energia”, conclui. A Samsung vai fabricar esse chip para outras marcas.

Via Samsung

Processadores AMD Opteron 6200 Interlagos, e 4200 Valencia são lançados oficialmente

by

Com um pequeno atraso (estava previsto para o mês de outubro), a AMD acaba de anunciar a chegada de seus novos processadores Opteron 6200 e 4200, também conhecidos como Interlagos e Valencia, pertencentes à linha profissional da arquitetura Bulldozer. Tais chips podem contar com oito núcleos duplos, que equivalem a 16 núcleos individuais. O fabricante garante que, esse processador, comparado com um Intel Xeon “de configurações semelhantes”, o modelo é 73% mais eficiente, e utiliza metade da energia do concorrente. A empresa confirmou também que em 2012, a plataforma Opteron 3000 será ofertada, lançando os novos modelos de processadores Zurich, também baseados na família Bulldozer, e especialmente desenvolvidos para servidores domésticos de baixo consumo.

via AMD

Processador VIA Nano X2 é oficial: um chip dual-core de baixo consumo – CES 2011

by

A VIA anunciou um chip dual-core de baixo consumo elétrico, chamado Nano X2. Ele possui dois núcleos Isaiah de 64 bits, os mesmos que antes vinham em single-core. Oferece suporte nativo para os softwares de 64 bits, opções de segurança de hardware PadLock e tecnologia de virtualização VT. Os chips Nano X2 são compatíveis com processadores anteriores da VIA, incluindo os modelos Nano, C7, C7-M e Eden, o que vai facilitar o trabalho daqueles que vão optar pela atualização. Ele já está disponível para os fabricantes, e dispositivos com estes chips estarão disponíveis durante o primeiro trimestre de 2011.

Fonte

[tecnologia] Cientistas de Harward recriam um pulmão humano em um microchip

by

Um grupo de cientistas da Universidade de Harward conseguiram criar um pulmão em miniatura, que é totalmente funcional, graças a ajuda de um microchip, células pulmonares humanas, vasos sanguíneos e um pedaço de plástico poroso. Ele tem um tamanho similar a uma borracha de apagar, e obviamente é muito mais simples do que um pulmão natural, mas parece cumprir seus objetivos muito bem.

Além disso, por causa de sua estrutura translúcida permite que os pesquisadores analisem os processos que ocorrem no seu interior (algo que é mais complicado em um órgão normal), e servirá tanto para diagnosticar os efeitos das toxinas presentes no ar, como para testar novos tratamentos e métodos de cirurgia. É possível inclusive demonstrar a troca de gases entre as células pulmonares e a corrente sanguínea e, com isso, eles voltam seu esforços em criar qualquer outro tipo de órgão neste mesmo formado. Abaixo, temos um vídeo com as explicações de um dos responsáveis do projeto.

Fonte

[periféricos] VIA Nano E series, novos processadores com aspirações em HD e 3D

by

A VIA apresentou seus planos de aumentar a família de processadores Nano, mais exatamente com a chegada da série E. São cinco chips de velocidades que variam entre os 800 MHz e os 1.8 GHz (tabela de configurações abaixo). A ideia do fabricante é que eles estejam em equipamentos integrados, já que estão preparados para executar aplicativos de 64 bits e sistemas de virtualização de forma nativa. Além disso, estes processadores devem ter uma vida útil de mais de 7 anos, assim como a aceleração de hardware para a manipulação de vídeo em HD e tecnologia 3D.

Fonte

[player multimídia] O Qualcomm 7×30 chega ao mercado em 2010, com jogos 3D e recursos multimídia

by

O produto conta com uma CPU Qualcomm Snapdragon, acompanha uma saída HDMI e permite uma capacidade de reproduzir vídeos a 720p, tanto na sua própria tela quanto conectado a uma HDTV. Também é capaz de executar jogos em 3D de forma bem fluída, assim como a reprodução de vídeos do YouTube, usando Flash 10.1, ainda que o que realmente chama a atenção seja o seu navegador de imagens da Scalado, que permite que se visualize até 1000 imagens ao mesmo tempo, lançar zoom em cada uma delas, ordenar por nome, cor e outros atributos. Confira os vídeos abaixo para ver mais do produto.

Fonte

MWC 2010 | Novos chips da Samsung para levar o HD à celulares pequenos #mwc2010

by

Outros lançamentos da Samsung na Mobile World Congress 2010, além dos novos telefones, foram novos sensores CMOS para celulares pensados especificamente para levar o formato HD em telefones de linhas mais baixas, ou de tamanhos menores.

O novo S5K4E2 é um sensor de 5 MP, que utiliza a tecnologia Enhanced Energy Steering da Samsung, e que permite a gravação a 15 FPS com uma grande redução de ruído. Outro lançado é o S5K5CA, que combina o ISP com um CMOS de 3 MP. São, pelo menos, 25% menores do que os demais sensores da mesma linha, proporcionando uma gravação a 720p. Os dois começam a ser fabricados em massa no final do ano de 2010.

Fonte