A Huawei está voltando ao Brasil, pelas mãos da Positivo Tecnologia. Com o objetivo de competir com marcas como Motorola, Asus e Samsung, a marca chinesa vai começar a sua re-estreia com três novos smartphones: Huawei P20 Pro, Huawei P20 Lite e Nova 2i.

Ou seja, a marca escolheu um modelo top de linha, um intermediário e um mais acessível (nessa ordem) para retornar ao mercado brasileiro.

 

 

O destaque maior aqui para o P20 Pro, primeiro smartphone com três câmeras Leica (sensores de 20 MP + 8 MP + 40 MP) que está fascinando o mundo com a sua qualidade final fotográfica. Pode não ser o modelo mais relevante para o mercado brasileiro, mas é uma forma da Huawei mostrar que pode competir com os modelos top de linha dos concorrentes.

O Huawei P20 Pro ainda conta com uma tela OLED de 6.1 polegadas (Full HD+) e o notch que abriga os sensores frontais e a câmera de 24 MP.

 

 

Já o Huawei P20 Lite é um smartphone intermediário, também com o notch na tela IPS de 5.5 polegadas (Full HD+), processador Kirin 659 octa-core de 2.36 GHz, 4 GB de RAM e 32 GB ou 64 GB de armazenamento (expansíveis via microSD). A câmera traseira dupla conta com sensores de 16 MP + 2 MP.

 

O Huawei Nova 2i é o modelo mais acessível nas configurações, mas recebe câmera dupla traseira de 16 MP + 2 MP e câmera dupla frontal de 13 MP + 2 MP. Possui tela de 5.9 polegadas (Full HD+), processador Kirin 659, 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento (expansíveis via microSD).

A má notícia aqui é que os modelos serão importados da China, ou seja, os valores podem não ser tão acessíveis assim, apesar da Huawei garantir que os preços serão mais acessíveis que seus concorrentes da Samsung e Motorola.

Lembrando que, se em um ano Huawei conseguir 1% do mercado local, a empresa trará a fabricação dos seus smartphones para o Brasil.